Crédito: Divulgação

Moto monster

Conteudo Isobar

Ducati lança novo modelo da família Monster, o 821, para conquistar fãs do estilo naked.

Motos de médio a alto desempenho, muitas vezes com altas cilindradas, as naked bikes têm a vantagem de possuir posição de pilotagem confortável e menos inclinada, além de ter o guidão mais alto do que as esportivas. Essas características fazem da categoria uma escolha versátil para estradas e para vias urbanas. Além disso, a principal particularidade da naked é não ter carenagem, o que deixa o motor exposto (por isso, o nome) e diminui o peso da bike.

No caso de toda Ducati Monster é o design minimalista, sem acessórios dispensáveis e sistemas secundários, que dá o toque especial. Todas as Monsters possuem dois cilindros em L, freios a disco, pneus radiais e transmissão por corrente.

Para elevar o cacife, a 821 chega com acelerador eletrônico e sistema ABS nos freios – que podem ser ajustados em três níveis – além de controle de tração com oito opções de configuração e Ride-by-Wire com três modos de pilotagem. Um novo sistema de ajuste de altura do assento aumenta o conforto da bike e permite uma boa ciclística. Tudo isso e pesa apenas 179,5 kg.

O motor dessa preciosidade é o mesmo que equipa a nova geração da linha Hypermotard: um Testastretta com refrigeração líquida de 821 cilindradas, número que dá nome ao modelo, aliás. O coração dessa máquina bate forte e chega a produzir 112 cavalos de potência. Parece pouco, mas lembre de que são menos de 180 kg que essa tropa precisa movimentar. Ou seja, emoção é o nome do meio dessa belezinha.

O design das 821 segue as elogiadas linhas da Monster 1200, consideradas as mais belas do EICMA (a Bike Show de Milão) em 2013. A nova integrante da família herda também o motor e o chassi tubular da irmã mais velha.

Já é possível encontrar a Monster 821 nas ruas da Europa e, por aqui, a previsão é de que chegue no segundo trimestre de 2015. Vale esperar para colocar o coração sobre duas rodas.

Mais Matérias