Cayan Tower, Dubai, Emirados Árabes Unidos (Pio 3)

Twist arquitetônico

Conteudo Isobar

Confira os principais arranha-céus em espiral do mundo

É impossível eles passarem desapercebidos. As linhas audaciosas de certos edifícios quase que obrigam transeuntes a lançarem os olhares sobre elas, uma espécie de hipnose estética. Arranha-céus mundo afora sinalizam a evolução da arquitetura e, por acaso, as construções em formato de espiral estão cada vez mais corriqueiras.

Pesquisa de 2016 realizada pelo Council On Tall Buildings and Urban Habitat (CTBUH), com sede em Chicago, nos Estados Unidos, contabilizou a existência de 15 arranha-céus espiralados nos dias de hoje.

O estudo da entidade – intitulado Twisting Tall Buildings – levou em conta arquiteturas superiores a 90 metros que, progressivamente, giram as placas de seu piso ou da fachada à medida em que ganham altura.

A revista Estilo BB elencou algumas das principais obras de arte contidas no levantamento. O CTBUH, organização sem fins lucrativos de pesquisa sobre design urbano, admite serem alguns desses arranha-céus, diversos em textura e em ângulo de visão, os mais emblemáticos edifícios já fincados no chão.

SHANGHAI TOWER
A Shanghai Tower (ou “Torre de Xangai”, em português) foi inaugurada em 2015. O arranha-céu está situado em Pudong, distrito financeiro de Xangai, a maior metrópole da China. São cerca de 632 metros de altura, distribuídos em 128 andares, sobre uma área de 380 mil m². O projeto inovador foi desenvolvido pela companhia norte-americana Gensler.

CAYAN TOWER
Em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, certas formas arquitetônicas captam atenção. Trata-se da Cayan Tower, arranha-céu de 372 metros de altura e 93 andares, uma joia que simboliza a riqueza e o luxo da cidade árabe. A torre erguida na marina local leva a assinatura do escritório Skimore, Owings & Merrill.

EVOLUTION TOWER
Moscou é lar da Evolution Tower, construção imponente situada no Centro Internacional de Negócios da capital da Rússia. O arranha-céu, inaugurado em 2014, foi comprado pela estatal russa do gás, a Transneft, por US$ 1 bilhão. Ao todo, os 54 andares garantem altura de 255 metros. O arquiteto responsável pelo projeto é Philipp Nikandrov.

AL-TIJARIA TOWER
A Al-Tijaria Tower é o edifício mais alto do Kuwait. É também um dos mais belos arranha-céus já feitos pela engenharia. Os 218 metros foram divididos em 41 andares, seis deles ocupados por um jardim interno. A torre, cuja elaboração contou com a participação de diversas companhias, fica na capital do país árabe, Cidade do Kuwait.

TURNING TORSO
Inaugurado há 11 anos, em Malmö, na Suécia, o Turning Torso constitui projeto do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, o mesmo designer responsável pelo Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro. Localizado no lado sueco do estreito de Öresund, o arranha-céu tem 190 metros e 54 andares. Na Escandinávia, é o prédio mais alto já feito. Na Europa, o segundo maior residencial de todos.

Mais Matérias