BANDEJA OLHO frente

Paixão de porcelana

Conteudo Isobar

Artistas transformam hobby em profissão, produzindo peças artesanais em cerâmica com design exclusivo.

Roberta Cardoso é designer gráfica, especializada em imagem de moda. Sofia Ramos é formada em publicidade. Em comum, a veia artística e o talento para transformar peças de cerâmica em peças de decoração. Cada uma ao seu estilo produzem louças, pratos, vasos e outros objetos em caráter artesanal.

“Em 2012 estava em busca de um trabalho mais manual, cansada de fazer muitas coisas só no computador”, lembra Roberta. “Daí fiz um curso, me apaixonei e nunca mais parei.” Foi assim que surgiu a Handmade, sua linha de peças de cerâmica feitas à mão.

Depois de decidir parar de trabalhar com publicidade, Sofia fez um curso de jardinagem. “Foi a primeira coisa que me veio na cabeça”, lembra. “Com a ideia de abrir uma floricultura, eu acabei pensando em fazer alguns vasos para as flores. Fui fazer o curso de cerâmica para conhecer e acabei me apaixonando.” Nascia então sua marca, Olive Cerâmicas.

O trabalho de Roberta é feito a partir de peças novas e usadas, garimpadas tanto em lojas especializadas como em feiras de antiguidade. “Trabalho com pintura e decalques próprios para porcelanas”, e o resultado traduz seu estilo feminino, delicado, vintage, com inspiração de “plantas, bichos e geometrismos”.

Sofia continua deixando seu gosto pelas plantas influenciar sua produções, baseadas principalmente em vasos (inclusive, alguns costumam vir já com as plantinhas), e usa técnicas como esmaltação, torno (instrumento usado para modelagem) e raku (método medieval de queima da cerâmica).

Hoje ela está na estudando na França pela segunda vez, na École de Tournage Augusto Tozzola. “Decidi me programar e voltar este ano para dar continuidade aos estudos que tinha começado com ele [Augusto Tozzola], e quero aproveitar. Agora estou fazendo esse curso, e durante minha estadia aqui quero aproveitar para fazer outros pontuais também”, diz.

Vindas de profissões diferentes, ambas concordam que ter outra formação acaba ajudando na nova carreira. “A minha formação me deu uma visão mais ampla de produto onde tudo se comunica: embalagem, logo, tag, cores e formas de cada peça”. “E por outro lado a pintura deixa o meu trabalho de designer mais solto. Um ajuda o outro”, afirma Roberta.

“Ter uma formação em Publicidade e Marketing acaba me dando uma visão que nem todo mundo tem, assim como o background de cada um traz coisas diferentes ao seu trabalho”, acredita Sofia.

Mesmo profissionalizadas, as marcas não perderam um dos itens mais importantes: a alma de artesanato. Para Sofia, “a melhor parte do trabalho artesanal é que cada peça é única”. Roberta comemora o trabalho desacelerado: “o que mais me encanta é o ritmo mais lento de produção, a concentração, o gestual”.

Confira na galeria algumas peças da Handmade e Olive Cerâmica ou acesse as páginas das marcas.

Mais Matérias