Espera-se que a Sagrada Família esteja concluída em 2026 (Fotokon)

Estética da Catalunha

Conteudo Isobar

Beleza de Barcelona tem a mão do arquiteto Antoni Gaudí

Nenhum arquiteto conseguiu marcar tanto a estética de uma cidade quanto Antoni Gaudí o fez em Barcelona, capital catalã presenteada com obras inigualáveis de sua autoria. Hoje, o nome do designer se confunde com o próprio imaginário local, ao lado de outros gênios, como os pintores Pablo Picasso e Joan Miró e o escultor Fernando Botero.

Nascido no município de Reus, na província de Tarragona, em 25 de junho de 1852, Gaudí iniciou carreira no auge da Belle Époque europeia, período de importantes inovações tecnológicas e de costumes. Tal efervescência cultural viu nascer o cabaré, o cancan, o cinema, o Impressionismo e o estilo Art Nouveau.

Gênio criativo, Antoni Gaudí transformou o panorama da arquitetura mundial com seu estilo único, orgânico, ondular e surpreendente (tanto estética quanto estruturalmente). Projetadas há quase um século, as obras do mestre catalão continuam a transmitir inventividade, beleza e espanto.

A originalidade do arquiteto catalão já despertava curiosidade dos professores da Escola Técnica Superior de Arquitetura de Barcelona – instituição em que Gaudí se graduou, em 1878. “O tempo dirá se concedemos este diploma a um doido ou a um gênio”, ponderou o então diretor sobre quem viria a ser seu maior aluno.

Edifícios residenciais, monumentos e igrejas: Gaudí foi o mais prolífico arquiteto de seu tempo. Dez de suas obras, que estão espalhadas por Barcelona, foram tombadas como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO: o Parque Güell, o Palácio Güell, a Casa Milà, a Casa Vicens, a Casa Batlló, a Fachada da Natividade, a Cripta da Sagrada Família e a Cripta da Colônia Güell.

SAGRADA FAMÍLIA

Há mais de 130 anos, o Templo Expiatório da Sagrada Família vem sendo construído em Barcelona. A estimativa é de que o monumento católico seja finalizado em um período de 20 anos. Patrocinado por contribuições privadas, o projeto foi assumido por Antoni Gaudí em 1883, quando ele tinha 31 anos de idade.

O arquiteto catalão dedicou quatro décadas de sua vida à Sagrada Família. As atividades de construção foram suspensas em 1936, por conta da Guerra Civil Espanhola. Em 2026, ano do centenário da morte de Gaudí, espera-se esteja concluído o edifício arquitetônico modernista.

Os milhões de turistas que visitam a Sagrada Família anualmente se reconhecem maravilhados pelos traços de Gaudí. Para eles, certamente, as apaixonantes contribuições do designer à religião católica colocam-no a caminho da canonização.

Mais Matérias