peanuts-gang-winter

O Snoopy voltou!

Conteudo Isobar

Em janeiro, o Minduim ganha versão 3D para os cinemas

Um dos personagens mais queridos do mundo, Snoopy volta às telas de cinema para celebrar os 65 anos da criação das tirinhas de Charles Schulz. Chamado Snoopy & Charlie Brown – Peanuts, o Filme, sua estreia está marcada para o dia 14 de janeiro e espera atrair crianças e adultos para assistir Charlie Brown, Linus, Patty Pimentinha, Lucy, e toda a turma que já conhecemos há tempos.

Dirigido por Steve Martino e com roteiro de Craig e Bryan Schulz, respectivamente filho e neto do criador das tiras, o longa-metragem será exibido como nunca foi visto antes: em uma animação em 3D.

A equipe que produziu o longa comentou sobre as dificuldades em dar uma terceira dimensão aos desenhos sem perder os traços característicos dos personagens. Jeff Gabor, um dos animadores, conta, por exemplo, que um pequeno ajuste nos olhos ou na sobrancelha muda completamente a emoção transmitida, por isso é tão importante o cuidado com a adaptação dos traços.

A história, baseada nas tirinhas de Schulz, narra mais uma – e a maior – missão de Snoopy atrás de seu arqui-inimigo Barão Vermelho. Tudo isso enquanto o cãozinho ajuda Charlie Brown com sua nova vizinha, a Menininha Ruiva, tentando provar que “todo azarado tem seu dia de sorte”.

Peanuts, que também ficou conhecido no Brasil como Minduim, foi uma das tiras mais populares, chegando a ser publicado em mais de 2600 jornais por dia, em todo o mundo. Traduzido para 40 idiomas, as produções de Schulz são publicadas ainda hoje, o que faz dela a série com maior distribuição entre as histórias em quadrinhos.

Cada personagem representa um traço da personalidade de seu criador, tendo em Charlie Brown, o protagonista das tirinhas, a mais explícita caracterização de Charles Schulz. Quebrando fronteiras culturais e linguísticas, os personagens de Peanuts representam, de alguma maneira, todos os seus leitores, o que ajuda a entender o sucesso da série.

O eterno fracassado Charlie Brown é filho de um barbeiro e de uma dona de casa, assim como seu criador, Schulz. Além disso, a Menininha Ruiva, paixão do pequeno Charlie Brown, também é baseada em uma paixão do autor, que sempre se descreveu como um homem tímido e azarado.

Mas há quem discorde desse azar: com quase 18 mil tiras publicadas, Schulz contou a história mais longa que conhecemos, e até hoje consegue reunir gerações em torno do carismático Snoopy e toda a turma.

Mais Matérias